segunda-feira, 26 de agosto de 2013

O single Hey Jude completa 45 anos parte 2


Lançamento 
A canção foi lançada poucas semanas depois de sua gravação e vinha com a canção de Lennon, "Revolution" no lado B.
No projeto “The Beatles Anthology”, Paul McCartney fala sobre o primeiro dia de lançamento do disco: “Eu fui ao escritório da Apple Records no lançamento do single de ‘Hey Jude’. As janelas da frente estavam com cera de limpeza branca e eu pensei, ‘Que grande oportunidade, muitos ônibus passam pela Baker Street lotada...’ Então, eu rabisquei na janela ‘Hey Jude’ na cera branca. Um cara ficou super furioso e me ergueu dizendo, ‘Vou mandar um dos meus filhos que estão por aí para te darem uma surra!’ Eu disse, ‘Calma, calma... Porque isso!?’ e ele disse, ‘Você escreveu “Jude” na janela!’ Eu não tinha ideia de que ‘Jude’ era na verdade judeu, em alemão. Se você olhar o filme feito na Alemanha nazista, 'Juden Raus' eles escrevem ‘judeu’ nas janelas junto com a Estrela de Davi. Eu juro que isso nunca me passou pela cabeça.” 
A canção de quase 7 minutos foi o single mais longo a atingir as paradas britânicas. Seu fade out tem propositalmente 1 segundo a mais do que o hit da parada de um ano antes de Richard Harris, “MacArthur Park.” 
George Martin no projeto “The Beatles Anthology”: “Nós gravamos ‘Hey Jude’ no Trident Studios. Era uma canção muito longa. Na verdade, depois de cronometrar eu disse, ‘Vocês não podem fazer um single tão longo.’ Eu gritei com eles, não pela primeira vez na vida e John perguntou, ‘Porque não?’ Eu não conseguia pensar numa boa resposta na hora, exceto na resposta patética de que os DJ’s não tocariam uma música tão longa. Ele disse, 'Irão tocar se for nossa.' E é claro, ele estava absolutamente certo.” 
“Hey Jude” foi lançada no dia 26 de agosto de 1968 nos EUA. Ficou pelas próximas 9 semanas no topo das paradas e vendeu 5 milhões de cópias nos seis meses seguintes. Ficou ao todo 19 semanas nas paradas. 
Clipe promocional 
Os Beatles contrataram Michael Lindsay-Hogg para filmar um vídeo para promover a canção “Hey Jude.” Hogg já tinha feito o vídeo de “Paperback Writer” e eles tiveram a ideia de filmar com uma controlada audiência, ao vivo. Eles fizeram o vídeo no programa, The Frost Programme, com McCartney em pessoa dublando os vocais.
Em 8 de setembro, David Frost apresentava o vídeo para os britânicos
“Senhoras e senhores, vocês irão ver a maior orquestra de ‘salão de chá’ do mundo. É um prazer apresentar, em sua primeira aparição na TV após sabe-se Deus quantos anos longe das platéias, Os Beatles!” 
Após essa introdução, Os Beatles improvisaram uma parodia de “It’s Now or Never” de Elvis Presley, porém esse trecho nunca foi ao ar pela TV. Em 6 de outubro de 1968, foi transmitido nos EUA, no programa, The Smothers Brothers Comedy Hour. Essas gravações e a performance podem ser vistas no DVD “The Beatles Anthology.”

fonte:  http://en.wikipedia.org/wiki/Hey_Jude

Nenhum comentário:

Postar um comentário